EMS Taubaté Funvic - CAMPEÃO DO BRASIL

NOTÍCIAS

LÍBERO THALES RENOVA CONTRATO E VAI PARA QUINTA TEMPORADA NO EMS TAUBATÉ FUNVIC
19 de maio de 2021

Um dos melhores atletas do mundo na posição e um dos jogadores que esteve nos dois títulos de Superliga do Taubaté, líbero da seleção brasileira acertou sua permanência no Abaeté

O EMS Taubaté Funvic contará pela quinta temporada consecutiva com um dos melhores líberos do mundo. Thales Hoss renovou seu contrato e permanece em terras taubateanas para mais um ciclo que promete ser de mais conquistas com a camisa do time valeparaibano.

Aos 32 anos, Thales é referência internacional como líbero e no EMS Taubaté Funvic consolidou sua carreira, ajudando a equipe a conquistar oito títulos. O atleta chegou à cidade no começo da temporada 2017/2018, e de lá para cá tornou-se Tricampeão Paulista (2017, 2018 e 2019), Bicampeão da Superliga (2018/2019 e 2020/2021), Bicampeão da Supercopa (2019 e 2020) e Campeão do Torneio Super Vôlei (2020).

Thales é o segundo atleta em atividade no EMS Taubaté Funvic há mais tempo na equipe e com mais jogos no currículo. Ele fica atrás apenas do levantador e capitão Rapha, que está na equipe desde 2014.

O líbero também é um dos atletas do elenco da temporada 2021/2022 que esteve presente nas duas conquistas de Superliga do EMS Taubaté Funvic, na edição 2018/2019 e na última conquista, da temporada 2020/2021.

O atleta, que está em fase de treinamentos com a Seleção Brasileira, relembrou a alegria da conquista no mês de abril de sua segunda Superliga com a camisa taubateana. “Não tenho palavras para descrever a conquista da Superliga que fechou com chave de ouro nossa última temporada. Nosso time fez uma sequência de jogos nas finais praticamente perfeita, então a felicidade foi enorme. Mas ficou uma sensação meio estranha, por conta da pandemia, de não ter a nossa torcida lá comemorando conosco, nem nossos familiares e amigos na arquibancada torcendo pra gente. Mas de qualquer maneira foi ótima a forma como fechamos o campeonato.”, disse.

De contrato renovado, Thales destacou o entusiasmo em partir para sua quinta temporada defendendo o EMS Taubaté Funvic. “Estou muito feliz em renovar com o Taubaté. Mostra que tanto a comissão técnica, quanto a gestão do clube gostaram do meu trabalho. E isso dá muita confiança para continuar crescendo e ajudando o time, e vejo a próxima temporada com o Taubaté bem competitivo e brigando por títulos.”, disse.

O líbero destacou também que a montagem do time competitivo e o trabalho que o técnico Javier Weber vem desenvolvendo no Taubaté foram fatores que só reforçaram a certeza de renovar seu vínculo com o time. “Gostei bastante de trabalhar com ele, vejo que é possível que eu evolua em muita coisa ainda trabalhando com o Weber. Minha família também já está bem adaptada com a cidade. Minha filha mais velha frequenta escola aqui e tem várias amigas, o meu filho mais novo nasceu em Taubaté e também já está na escola, minha esposa se adaptou bem aqui. Essa adaptação na cidade também nos deixa muito à vontade para continuar sendo uma família taubateana”, finalizou.

PERFIL
Nome: Thales Hoss
Posição: Líbero
Idade: 32
Altura: 1,87m
Natural: São Leopoldo (RS)
Está no EMS Taubaté Funvic desde a temporada 2017/2018
Títulos no Taubaté: Campeonato Paulista (2017, 2018, e 2019); Super Vôlei (2020); Supercopa (2019 e 2020); Superliga (2018/2019 e 2020/2021)

 

FOTOS: Renato Antunes / Agência MaxxSports

Continuar...
MURILO RADKE É UMA DAS NOVIDADES DO EMS TAUBATÉ FUNVIC PARA A TEMPORADA 2021/2022
18 de maio de 2021

Levantador de 32 anos estava no voleibol europeu e chega credenciado com o vice-campeonato grego, larga experiência no voleibol internacional e passagens vitoriosas pela Seleção Brasileira

O EMS Taubaté Funvic terá um reforço de peso na posição de levantador para a temporada 2021/2022. Um dos novos contratados da equipe taubateana é Murilo Radke, de 32 anos. O atleta chega ao Taubaté após quatro temporadas no voleibol europeu.

Natural de Porto Alegre (RS), Murilo tem 1,98m de altura e começou sua história no voleibol no tradicional clube SOGIPA, na capital Gaúcha. Teve passagens por diversos clubes brasileiros como E.C. Pinheiros, Campinas e Sada Cruzeiro. 

Seu último clube no velho continente foi o Foinikas Syros ONEX, da Grécia, em que esteve na temporada 2020/2021 e conquistou o vice-campeonato da Liga Grega. Antes da boa passagem pelo clube grego, Murilo Radke jogou também no Argos Volley Sora, da Itália (2019/2020), no Arkas Spor, da Turquia (2018/2019) e Jeopark Kula Voleybol, também da Turquia (2017/2018). Seu último clube no Brasil havia sido o Montes Claros (MG), na temporada 2016/2017.

Pela Seleção Brasileira, Murilo teve diversas convocações para as categorias de base e também na equipe adulta. Tem como principais conquistas com o time brasileiro o Campeonato Mundial Juvenil de 2009, a medalha de Ouro nos Jogos Pan Americanos de Guadalajara 2011, no México, e o vice-campeonato da Liga Mundial de Vôlei 2014.

Sobre sua chegada ao EMS Taubaté Funvic, Murilo comentou: “Estou muito feliz e motivado em fazer parte de uma das equipes mais vencedoras do voleibol brasileiro. Tenho como objetivos crescer a cada dia, continuar evoluindo tecnicamente, e ajudar meus companheiros em busca de todos os títulos possíveis na próxima temporada”, disse.

PERFIL
Nome: Murilo Radke
Posição: Levantador
Idade: 32 anos
Altura: 1,98m
Natural: Porto Alegre (RS)
Clubes anteriores: Foinikas Syros ONEX (Grécia), Argos Volley Sora (Itália), Arkas Spor (Turquia), Jeopark Kula Voleybol (Turquia), Montes Claros (MG), BKS Vista Bydgoszcz (Polônia), Budvanska Budva (Montenegro), Canoas (RS), Florianópolis (SC), E.C. Pinheiros (SP), Sada Cruzeiro (MG), Suzano (SP), Ulbra (RS), Alvares Vitória (ES).

Continuar...
CAPITÃO RAPHA RENOVA CONTRATO E VAI PARA OITAVA TEMPORADA NO EMS TAUBATÉ FUNVIC
17 de maio de 2021

Presente em todos os 14 títulos conquistados pelo clube taubateano, atleta que mais vestiu a camisa do clube renovou seu vínculo e segue como uma das peças fundamentais do projeto

A temporada 2021/2022 do voleibol para o EMS Taubaté Funvic teve seu start oficial dado nesta semana. A montagem do elenco que dará seguimento ao vitorioso projeto taubateano tem como primeira grande novidade a renovação de contrato com o levantador Rapha, 41.

Capitão do EMS Taubaté Funvic em todas as conquistas da história do clube, Rapha renovou seu vínculo com o time taubateano por mais uma temporada, e continuará vestindo a camisa 7 na temporada 2021/2022.

O atleta chegou ao time no início da temporada 2014/2015, depois de uma passagem muito vitoriosa pelo voleibol europeu, onde conquistou títulos na Rússia, Turquia e especialmente na Itália, onde foi tricampeão da Liga Italiana, tricampeão da Copa da Itália, bicampeão da Supercopa, bicampeão da Champions League e tetracampeão do Mundial de Clubes.

Logo na temporada 2014/2015, quando chegou a Taubaté, Rapha já pôde levantar a primeira conquista da história do EMS Taubaté Funvic, com o Campeonato Paulista de 2014.

Depois disso, Rapha fez história no Taubaté e esteve presente em todos os 14 títulos conquistados pelo clube. No total foram seis títulos de Campeonato Paulista (2014, 2015, 2016, 2017, 2018, e 2019), uma Copa Paulista (2015), duas Copa Brasil (2015 e 2017), um Torneio Super Vôlei (2020), duas Supercopa (2019 e 2020) e duas Superligas (2018/2019 e 2020/2021).

Sobre a renovação para mais uma temporada no EMS Taubaté Funvic, Rapha comentou: “Estou me sentindo muito bem com essa renovação. Taubaté é a minha casa, estou no projeto praticamente desde o começo, vi e ajudei o clube a se transformar nessa potência do voleibol, então é um orgulho poder viver isso. Vejo que a temporada 2021/2022 será muito desafiadora para nós, de muitas mudanças, novos atletas chegando, mas a filosofia vencedora do Taubaté não será mudada. Com certeza vamos atrás de todos os objetivos e seguiremos com uma equipe muito forte”, disse.

Sobre o que mais o motivou a renovar seu contrato com o EMS Taubaté Funvic, Rapha também destacou o forte laço que tem com a cidade e com o clube. “Sempre fui muito bem acolhido e respeitado na cidade e isso pesa positivamente, com certeza, para continuar defendendo essa camisa. Quando eu assinei pela primeira vez com o Taubaté, eu acreditei no projeto, mesmo com o time ainda não tendo essa história rica de títulos que tem hoje. E poder ter levantado todos esses troféus e conquistado tanta coisa bacana é um grande combustível para que eu possa continuar em busca de novas conquistas. Ser o atleta com mais jogos pelo clube e com mais conquistas, também me motiva a continuar e dar força para os que estão chegando. Vai ser um ano muito bacana para nós nessa nova etapa que se inicia.”, completou o capitão.

Além de sua linda e vencedora história como levantador e capitão do EMS Taubaté Funvic, Rapha criou um vínculo forte com os torcedores e com a própria cidade de Taubaté. Tornou-se um cidadão taubateano – inclusive recebendo tal honraria da Câmara Municipal de Taubaté -  e em 2018 foi escolhido para ser o embaixador da EAFI – Escola de Atletas e Formação Integral, da Prefeitura de Taubaté.

CONFIRA O VÍDEO OFICIAL DA RENOVAÇÃO DO CAPITÃO RAPHA:

PERFIL
Nome: Raphael Oliveira “Rapha”
Posição: Levantador
Idade: 41
Altura: 1,90m
Natural: São João Del Rey (MG)
Está no EMS Taubaté Funvic desde a temporada 2014/2015
Títulos no Taubaté: Campeonato Paulista (2014, 2015, 2016, 2017, 2018, e 2019); Copa Paulista (2015); Copa Brasil (2015 e 2017); Super Vôlei (2020); Supercopa (2019 e 2020); Superliga (2018/2019 e 2020/2021)

 

FOTOS: Renato Antunes / Agência MaxxSports

Continuar...
MEMÓRIA: HÁ DOIS ANOS O EMS TAUBATÉ FUNVIC CONQUISTAVA SUA PRIMEIRA SUPERLIGA
11 de maio de 2021

Histórica conquista veio no quinto e decisivo jogo da série final contra o SESI-SP e está marcada na história do clube como o primeiro título da principal competição nacional do voleibol

A noite de 11 de maio de 2019, um sábado, ficará sempre marcada na memória do torcedor do EMS Taubaté Funvic. Jogando na Arena Suzano, em Suzano (SP), diante de uma torcida majoritariamente do adversário, o Taubaté fez 3 sets a 1 no rival paulistano e levantava assim seu primeiro troféu de Campeão da Superliga Masculina de Vôlei.

A partida que decidiu a série final da temporada 2018/2019 teve mais de 2h20 de duração, e foi vencida pelos taubateanos com as parciais de 25x21, 25x22, 21x25 e 25x20.

Comandado pelo técnico Renan Dal Zotto, o time Campeão naquela noite entrou em quadra com a formação inicial tendo Rapha, Lucarelli, Facundo Conte, Otávio, Lucão, Vissotto e Thales como líbero.

O ponto que fechou a partida foi cravado pelo ponteiro Lucarelli, sacramentando uma temporada vitoriosa, porém de muita superação por parte do Taubaté, especialmente naquela edição da Superliga.

Campanha: O EMS Taubaté Funvic foi Campeão com uma campanha geral de 25 vitórias e 8 derrotas. Na primeira fase a equipe terminou com a 3ª melhor campanha, somando 17 vitórias e sofrendo 5 derrotas.

Nas quartas de final, passou pelo Vôlei Renata Campinas (SP) na série melhor de três com 2 jogos a 1.

Nas semifinais, atropelou o Sada Cruzeiro (MG) na série melhor de cinco por 3 jogos a zero.

A série final começou com vitória do SESI-SP por 3 sets a 0, no ginásio da Vila Leopoldina. O EMS Taubaté Funvic empatou no jogo seguinte, vencendo diante de sua torcida no Abaeté também por 3 a 0. A partir do terceiro jogo, onde as finais passaram a ser disputadas na Arena Suzano, o equilíbrio continuou. No terceiro jogo, vitória do Taubaté por 3 a 2. Na quarta partida, vitória do SESI por 3 a 1. E no quinto e decisivo jogo, vitória taubateana por 3 a 1.

A importância daquela conquista se deu não só dentro de quadra, eternizando aquele elenco extremamente qualificado, mas também coroando anos de trabalho e crescimento do projeto de voleibol na cidade de Taubaté.

A partir daquela conquista em maio de 2019, o EMS Taubaté Funvic entrou de vez no Hall de grandes equipes do voleibol nacional e também galgou degraus internacionais, tornando-se referência mundial.

Nossos sinceros agradecimentos a todos que fizeram parte do elenco campeão, bem como a comissão técnica que deu total suporte para a histórica conquista da nossa primeira Superliga.

Você lembra do nosso time completo?

Ponteiros: Douglas Souza, Lucarelli, Facundo Conte, Luis Fernando e Rodrigo Leandro.

Centrais: Lucão, Otávio, Robinho, Renan Moralez e Athos.

Opostos: Leandro Vissotto e Abouba.

Levantadores: Rapha, Nico Uriarte e Fabiano Souza.

Líberos: Thales Hoss e Aldren Brand


FOTOS: Renato Antunes / Agência MaxxSports

Continuar...
INTEGRANTES DA COMISSÃO TÉCNICA DO EMS TAUBATÉ FUNVIC SÃO CONVOCADOS PARA A SELEÇÃO BRASILEIRA
06 de maio de 2021

Renato Bacchi, Giuliano Ribas e Kleeva Albuquerque integram comissão técnica que trabalha na preparação do selecionado brasileiro para a Liga das Nações e Olimpíadas de Tóquio

A CBV anunciou a convocação oficial de três integrantes da comissão técnica do EMS Taubaté Funvic para a Seleção Brasileira Masculina de Vôlei, que está reunida em Saquarema (RJ), na fase de preparação visando a Liga das Nações e posteriormente os Jogos Olímpicos de Tóquio.

Foram chamados o preparador físico Renato Sérgio Bacchi, o auxiliar Giuliano Ribas e o massoterapeuta Kleeva Albuquerque.

O primeiro compromisso da Seleção Brasileira Masculina será a Liga das Nações, que será disputada de 28 de maio a 27 de junho, em Rimini, na Itália.

Após essa competição, a Seleção Brasileira terá pela frente o principal compromisso do ano, que são os Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão. O evento acontecerá de 23 de julho a 8 de agosto.

Além dos três profissionais da comissão técnica, o EMS Taubaté Funvic teve também oito atletas do elenco Campeão da Superliga 2020/2021 convocados: o levantador Bruno Rezende, os centrais Lucão e Maurício Souza, os ponteiros Maurício Borges (MVP da última Superliga), Douglas Souza e João Rafael, o oposto Felipe Roque, e o líbero Thales.

FOTOS: Renato Antunes / Agência MaxxSports

Continuar...
SAIBA QUEM FORAM OS MAIORES VENCEDORES DO TROFÉU VIVA VÔLEI NA TEMPORADA 2020/21
26 de abril de 2021

De uma primeira fase muito vitoriosa, passando pelos playoffs que levaram ao segundo título da Superliga, saiba quem mais levou o troféu de melhor em quadra no elenco do EMS Taubaté Funvic

A temporada 2020/2021 vai se encerrando com a celebração do bicampeonato da Superliga Masculina de Vôlei pelo EMS Taubaté Funvic. E um dos atrativos de cada jogo disputado pelas equipes na competição, é o Troféu Viva Vôlei. A premiação, que nos jogos com transmissão pela TV conta com voto popular, premia o melhor atleta em quadra.

A campanha do EMS Taubaté Funvic totalizou 26 vitórias, com um Troféu Viva Vôlei faturado em cada uma dessas partidas por um atleta taubateano. Quem foram os campeões em prêmios?

O ponteiro Douglas Souza foi, disparado, quem ais faturou o Troféu Viva Vôlei. Foram 9 vezes em eu o camisa 14 levou o prêmio.

O segundo atleta taubateano que mais venceu o Viva Vôlei foi o oposto Felipe Roque, com 5 troféus.

O pódio é completado pelo central Maurício Souza, que faturou 3 Troféus Viva Vôlei.

A lista é completada pelo ponteiro João Rafael (2 troféus), o levantador Bruno Rezende (2 troféus), os centrais Lucão (1 troféu) e Riad (1 troféu), os ponteiros Maurício Borges (1 troféu) e João Franck (1 troféu), e o líbero Thales (1 troféu).

Top Vencedores do Troféu Viva Vôlei na Superliga Banco do Brasil Masculina 2020/2021
1º Douglas Souza – 9

2º Felipe Roque – 5

3º Maurício Souza – 3

4º João Rafael – 2

5º Bruno Rezende – 2

6º Riad – 1

7º Lucão – 1

8º João Franck – 1

9º Maurício Borges – 1

10º Thales – 1


Continuar...
BATE PAPO COM JAVIER WEBER: “NA SEGUNDA FINAL NÓS FIZEMOS O MELHOR JOGO DO ANO”
23 de abril de 2021

Técnico do EMS Taubaté Funvic analisa desempenho do time nas finais da Superliga, comemora evolução técnica que levou ao bicampeonato e fala do planejamento para a próxima temporada

Javier Weber chegou à cidade de Taubaté em meados de 2020 com uma missão: substituir Renan Dal Zotto, técnico da Seleção Brasileira, que assumira o EMS Taubaté Funvic em 2019 e levou o clube do Vale do Paraíba ao seu primeiro título de Superliga naquele ano.

Com uma equipe extremamente qualificada no papel, o experiente treinador argentino trouxe sua filosofia de jogo e conseguiu extrair de cada peça do elenco o seu máximo, levando o EMS Taubaté Funvic a ter sua temporada mais vitoriosa em número de finais e conquistas. A equipe chegou à final de todas as cinco competições que disputou, conquistando três troféus – Torneio Super Vôlei, Supercopa e Superliga – fechando com a conquista do bicampeonato nacional.

Na Superliga Banco do Brasil 2020/21, o título conquistado contra o Minas Tênis Clube (MG) foi o segundo da história do EMS Taubaté Funvic, e o segundo também de Javier Weber em sua carreira como treinador. Comandando a Unisul (SC), o técnico havia conquistado a Superliga na temporada 2003/2004.

Em entrevista, Javier Weber comentou sobre o rendimento da equipe nas semifinais e finais em Saquarema, sobre a evolução do time e destacou que os planos para sua segunda temporada à frente do EMS Taubaté Funvic são de novamente levar a equipe às finais das competições que disputar.

AS FINAIS CONTRA O MINAS TÊNIS CLUBE

“Foram duas partidas completamente diferentes. Na primeira nós passamos por alguns problemas, tivemos momentos não tão bons, mas conseguimos achar as soluções, impor nosso jogo e confirmar a vitória. Na segunda final nós fizemos o melhor jogo do ano, no meu ponto de vista. Em todos os sentidos, mental, técnico e tático. Nós jogamos um jogo perfeito do primeiro ao último ponto. Sinto muito prazer em falar isso, em ver esse pico de produtividade sendo alcançado na final. E ter um elenco qualificado ajudou muito, sem dúvidas. No primeiro jogo da final o Maurício Borges não foi tão bem, foi substituído. No segundo jogo o Felipe Roque não estava tão bem, foi substituído. E quem entrou deu conta e manteve o ritmo e o volume de jogo que nós precisávamos. Esse conjunto e coesão do elenco foi o mais importante.”, disse Weber.

CRESCIMENTO NAS FINAIS

“Se falarmos em estatísticas, o nosso time melhorou em todos os fundamentos nas fases semifinal e final da Superliga. Como exemplo, falo do saque. Vínhamos com uma porcentagem de erros de saque em 18% na temporada. Nas finais, isso caiu pra 15%, o que gerou um resultado aparente em quadra e ajudou demais a construir nossas vitórias. Vínhamos com 10% de acerto no saque, e isso subiu para 14%. Na efetividade de ataque, tínhamos 55%, e nas finais isso subiu para 60%. Então essa análise em números prova que o time se superou nas decisões. Chegamos em cinco finais, ganhando três títulos nacionais, culminando com a conquista da Superliga em uma série final espetacular. Fico muito orgulhoso da minha equipe.”, comentou o treinador.

“Foi uma temporada duríssima, porque tivemos de nos acostumar a jogar sem público, até mesmo a adaptação de não haver a troca de lado na quadra ao final de cada set, isso tivemos de nos acostumar também. E os adversários foram bem duros, Sada Cruzeiro, Minas, Vôlei Renata, todos colocaram dificuldades no nosso caminho, mas o Taubaté se superou. Nosso time começou a temporada de um jeito, e terminou de outro, muito melhor. Isso para um técnico é muito bom, ver a evolução de seus atletas coletiva e individualmente.”, destacou.

PRÓXIMA TEMPORADA E RENOVAÇÃO DO ELENCO

“Estou muito feliz com o acolhimento que tive aqui, feliz com o projeto e o planejamento do clube, com a estrutura que temos aqui. Taubaté hoje é uma marca no vôlei mundial. Fico orgulhoso de seguir como comandante dessa marca para a temporada 2021/2022. Estamos planejando a temporada com um trabalho para renovar o contrato de boa parte dos atletas campeões este ano, mantendo assim uma base sólida. Nossa ideia é manter um time base e ajustar as necessidades de acordo com o mercado atual, suprindo dessa forma as lacunas que os atletas que estão saindo vão deixar. Nosso trabalho está focado em fazer a reformulação natural que acontece sempre que há o final de uma temporada, mas buscando manter o patamar de um time que brigará por finais e títulos na temporada 2021/2022.”, comentou.

AGRADECIMENTOS

“Gostaria de agradecer muito aos jogadores do elenco campeão, a comissão técnica que fez um trabalho excepcional, a FUNVIC, aos patrocinadores e a Prefeitura de Taubaté.  Essa temporada foi claramente um trabalho em equipe. Quando se fala em jogar em equipe, não é só quem está dentro da quadra, mas toda uma estrutura, uma engrenagem que tem de funcionar bem nos bastidores e no suporte dado ao clube. Agradeço também as torcedores que, mesmo sem poder estar nos jogos conosco, fazem parte da nossa família e mandaram muito apoio mesmo de longe.”, disse Weber.

SOBRE JAVIER WEBER

Quando ainda atuava como atleta, Javier Weber era levantador, e jogando no voleibol brasileiro obteve conquistas importantes. Como jogador, foi bicampeão da Superliga atuando pela extinta equipe da Ulbra-RS, nas temporadas 1997/1998 e 1998/1999.

Como treinador, conquistou duas edições da Superliga Masculina, uma com a Unisul (SC) e agora com o EMS Taubaté Funvic.

Por seu país, Weber ganhou como atleta a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Seul 1988 e o ouro nos Jogos Pan-Americanos de Mar Del Plata 1995. Disputou também as Olimpíadas de Sydney 2000, quando na ocasião a Argentina eliminou o Brasil nas quartas de final.

Já como técnico, Weber dirigiu a Argentina entre 2008 e 2013 e seus dois melhores resultados foram o quinto lugar nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e a medalha de bronze no Pan-Americano de Guadalajara 2011.

FOTOS: Wander Roberto / Inovafoto / CBV

Continuar...
EMS TAUBATÉ FUNVIC TEM OITO ATLETAS CONVOCADOS PARA A SELEÇÃO BRASILEIRA
22 de abril de 2021

Após conquista do título da Superliga Banco do Brasil Masculina, atletas se apresentarão em Saquarema para ciclo de preparação para a Liga das Nações e para os Jogos Olímpicos de Tóquio

A Confederação Brasileira de Vôlei divulgou mais uma lista de convocados para a Seleção Brasileira masculina. Dessa vez, oito atletas campeões da Superliga 2020/21 pelo EMS Taubaté Funvic foram convocados.

Estão na lista o levantador Bruno Rezende, os centrais Lucão e Maurício Souza, os ponteiros Maurício Borges (MVP da última Superliga), Douglas Souza e João Rafael, o oposto Felipe Roque, e o líbero Thales.

Os atletas se apresentam no próximo domingo, 25/04, no Centro de Desenvolvimento de Voleibol, em Saquarema (RJ). A Seleção Brasileira dará sequência ao ciclo de preparação visando a Liga das Nações, que será disputada de 28 de maio a 27 de junho, em Rimini, na Itália.

Após essa competição, a Seleção Brasileira terá pela frente o principal compromisso do ano, que são os Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão. O evento acontecerá de 23 de julho a 8 de agosto.

Além dos oito atletas taubateanos, a lista de convocados já conta também com os centrais Matheus, Isac e Flávio, os ponteiros Rodriguinho e Vaccari, os opostos Alan e Wallace, os levantadores Fernando Cachopa e Carísio, e o líbero Maique. Como convidados estão em Saquarema os ponteiros Adriano e Maicon, o oposto Darlan, o central Léo e o líbero Alexandre Elias.

Continuar...
ATLETAS CAMPEÕES DA SUPERLIGA PARTICIPAM DE CAMPANHA DE DOAÇÃO DE SANGUE EM TAUBATÉ
20 de abril de 2021

Thales, Felipe Roque, Vitor Yudi e João Franck deram exemplo e celebraram conquista da Superliga participando da campanha “Sague Azul”, fazendo doação ao Hemocentro de Taubaté

Depois de darem show em quadra nas finais da Superliga Banco do Brasil Masculina de Vôlei 2020/21, conquistando o segundo título da história do clube na última sexta-feira (16/04), os atletas do EMS Taubaté Funvic deram um exemplo de amor ao próximo e cidadania, e realizaram doação de sangue nesta segunda-feira (19/04), em Taubaté.

Os atletas endossaram a campanha Sangue Azul, promovida pelo EMS Taubaté Funvic em parceria com o Hemocentro de Taubaté. O líbero Thales, o oposto Felipe Roque, e os ponteiros João Franck e Vitor Yudi estiveram no Hemocentro e realizaram a doação sanguínea.

“É muito legal poder colaborar com a campanha e fazer nossa parte doando sangue. Sabemos que é uma causa muito válida, pois todos nós e nossos familiares estamos sujeitos e precisar de sangue. Fica então o convite a todos os torcedores que continuem doando sangue, seja o pessoal aqui de Taubaté, seja os torcedores de outras cidades. Procure o hemocentro do seu município e seja doador.”, disse o líbero Thales.

O horário de atendimento no Hemocentro de Taubaté é das 8h00 às 11h00, e das 13h00 às 16h00. O Hemocentro fica na Avenida Inglaterra, nº 190, Jardim das Nações.

Os doadores podem agendar a doação pelo site www.hemocentro.fmrp.usp.br/agende ou comparecer no horário de atendimento do hemocentro e ser atendido retirando senha na recepção por ordem de chegada.

É pedido aos doadores que não tragam crianças e idosos como acompanhantes.

O uso de máscara é obrigatório conforme Decreto Estadual, por conta da pandemia de COVID.

Telefone do Hemocentro de Taubaté: (12) 3624-1273

 

FOTOS: Renato Antunes/Agência MaxxSports

Continuar...
JOÃO FRANCK COMEMORA SEU PRIMEIRO TÍTULO DE SUPERLIGA E EXALTA CRESCIMENTO NO EMS TAUBATÉ FUNVIC
20 de abril de 2021

Caçula do elenco Campeão da Superliga 2020/21, ponteiro de 22 anos comenta sobre o rendimento do time nas finais e o valor de uma temporada vitoriosa ao lado de campeões olímpicos

Dos 15 atletas que formam o elenco do EMS Taubaté Funvic foi Campeão da Superliga Banco do Brasil Masculina de Vôlei 2020/21 na última sexta-feira(16/04) em Saquarema (RJ), um novato é só sorrisos.

O ponteiro João Franck, de 22 anos de idade – recém completados – é o atleta mais novo do elenco, e celebra o encerramento de uma temporada de conquistas e muito aprendizado. Vestindo a camisa taubateana, Franck garantiu no currículo nada menos que três conquistas de âmbito nacional: Torneio Super Vôlei, a Supercopa 2020, e a Superliga 2020/21, além da oportunidade de evoluir física e tecnicamente estando em um time de ponta do voleibol nacional.

Mesmo sendo a quarta opção na posição de ponteiro, o jovem atleta foi muito bem aproveitado pelo técnico Javier Weber, entrando em diversas ocasiões e sendo muito efetivo quando acionado em quadra.

João Franck ganhou inclusive um Troféu Viva Vôlei, como melhor atleta em quadra na vitória do EMS Taubaté Funvic sobre o Pacaembu Ribeirão (SP) por 3 sets a 0, fora de casa, pela 5ª rodada do primeiro turno da Superliga. Na ocasião, ele jogou como titular.

De volta após as finais em Saquarema, batemos um papo com João Franck, que falou das experiências ao longo da temporada e da alegria e honra de ter ajudado o EMS Taubaté Funvic a conquistar o bicampeonato nacional.

Quais experiências e memórias você vai carregar das semifinais e finais dentro do CDV em Saquarema, culminando com no festejado bicampeonato da Superliga?

João Franck - Foram duas séries complicadas em duas semanas que demandaram muito trabalho duro de nossa parte. O grupo estava muito concentrado, muito coeso, foi o momento da temporada em que mais conseguimos unir a equipe, trabalhar muito bem em prol de um objetivo comum. Nossa proposta era vencer as quatro partidas, e cumprimos essa meta. Nas semifinais, o Vôlei Renata que já havia dado bastante trabalho para nós ao longo de toda a temporada, mais uma vez não foi um adversário fácil. Conseguimos passar muito bem nas semifinais pela nossa constância e efetividade naquilo que vínhamos treinando. E na final, derrotar o Minas, um clube de tanta tradição, foi uma enorme alegria. Foram duas vitórias importantes para o projeto, para o grupo, para a cidade de Taubaté, e para mim especialmente, por ser o meu primeiro título de Superliga.

Quais fundamentos você acha que foram os trunfos do EMS Taubaté Funvic nas finais diante do Minas?

J.F. – O time esteve bem em todos os fundamentos, mas o saque foi muito importante. Esse jogo com o saque agressivo nas finais foi resultado de um trabalho de toda a temporada, e que surtiu efeito quando nós mais precisamos. Tivemos alguns momentos irregulares ao longo da Superliga em termos de aproveitamento no saque, mas quando foi preciso, foi o nosso ponto forte. Desestabilizou a linha de passe tanto do Campinas quanto do Minas, e conseguimos criar uma vantagem sobre os adversários.

Quais lições você tira dessa temporada em que você pôde treinar e jogar ao lado de companheiros que são campeões olímpicos, mundiais e de currículo tão pesado?

J.F. - Para mim, que sou o mais novo do grupo, é uma enorme honra trabalhar num elenco cheio de campeões olímpicos, jogadores renomados que eu cresci assistindo pela TV, sendo fã deles. Foi um prazer trabalhar com todos eles, foi uma temporada de muito aprendizado, consegui absorver muita coisa jogando e principalmente treinando ao lado deles. Foi legal também para compreender o trabalho desses craques fora de quadra, e pra mim será sempre inesquecível essa temporada tão vitoriosa, os títulos e as amizades que levo daqui. Foi muito importante para meu crescimento como atleta e como pessoa também.

Só faltou mesmo a torcida no ginásio para fazer a festa completa, não é?

J.F. – Sem dúvidas, existe uma torcida enorme aqui em Taubaté, muito apaixonada, sou grato por ter trabalhado aqui, e infelizmente sem poder ter o contato direto com os fãs do Vôlei Taubaté. Agradeço à torcida pelo apoio, sempre nos dando positividade nas redes sociais, mesmo nos momentos difíceis e nos tropeços que aconteceram. Mesmo à distância, sentimos que a torcida estava com a gente, acreditando no nosso trabalho e nos empurrando ao título. Sou muito grato por todo esse carinho.


FOTOS: Renato Antunes/Agência MaxxSports

Continuar...
É CAMPEÃO: EMS TAUBATÉ FUNVIC VENCE O MINAS E CONQUISTA O BICAMPEONATO NA SUPERLIGA MASCULINA
16 de abril de 2021

Taubateanos desequilibram no saque, vencem por 3 sets a 0 com superioridade ao longo de todo o jogo e fecham série final em dois a zero em Saquarema. Maurício Borges é eleito MVP da Superliga

O EMS Taubaté Funvic fez história mais uma vez e conquistou nesta sexta-feira (16/04) o bicampeonato da Superliga Banco do Brasil Masculina de Vôlei ao derrotar o Minas Tênis Clube (MG) por 3 sets a 0 (parciais de 25x20 / 25x22 / 25x17). Com a vitória, o time taubateano fechou a série final em 2 jogos a 0, e levantou seu segundo troféu de campeão nacional.

Em grande atuação coletiva, o EMS Taubaté Funvic foi superior ao longo de toda a partida, sacou muito bem, defendeu com muita efetividade e construiu a vitória com total mérito. Os comandados do técnico Javier Weber fecham a temporada 2020/2021 com uma das melhores apresentações do campeonato.  

O jogo: O técnico Javier Weber colocou em quadra a equipe inicial com Bruno Rezende (levantador), Maurício Souza (central), Maurício Borges (ponteiro), Douglas Souza (ponteiro), Lucão (central), Felipe Roque (oposto) e Thales (líbero). Entraram ao longo da partida os ponteiros João Rafael e João Franck, o oposto Gabriel Cândido e o levantador Rapha.

O primeiro set começou com o EMS Taubaté Funvic sacando forçado e o Minas apresentando bom volume de jogo. O time mineiro saiu na frente, encaixando bem o bloqueio e aproveitando contra-ataques. O Taubaté conseguiu encaixar o saque e passou à frente por vantagem mínima. A partida seguiu bem equilibrada, com o Taubaté aproveitando bem as viradas de bola. O sistema bloqueio/defesa do Taubaté trabalhou bem e a equipe conseguiu se manter à frente do placar. O levantador Bruno acionou bem o oposto Felipe Roque e o ponteiro Douglas Souza, principais pontuadores do set. Os taubateanos mantiveram o bom aproveitamento no saque, contabilizando 4 aces e encaminharam em 25 a 20, em 29 minutos.

O segundo set teve um começo equilibrado, mas com o EMS Taubaté Funvic melhor no saque e no bloqueio. O Minas buscou equilibrar as ações com boa efetividade defensiva e apostando nas bolas de meio. O saque taubateano continuou a desequilibrar a partida, com Douglas, Lucão e Maurício Borges conquistando pontos no serviço. O Minas buscou forçar o saque para tirar a vantagem, mas não conseguiu a reação, errando mais no serviço. O Taubaté encaminhou a vitória no set em 25 a 22, em 28 minutos.

O terceiro set seguiu com o EMS Taubaté Funvic melhor em quadra, abrindo 4 a 0 logo de cara. Sacando com muita agressividade e com boa efetividade nas viradas de contra-ataque os taubateanos mantiveram vantagem confortável no placar. O volume defensivo taubateano funcionou bem e a equipe se manteve sempre à frente, e com menos erros ao longo do set. O time seguiu superior e sem sustos fechou o jogo com um bloqueio simples de Felipe Roque, fazendo 25 a 17, vencendo por 3 sets a 0.

O melhor jogador em quadra na final foi o levantador Bruno Rezende, do EMS Taubaté Funvic, premiado com o Troféu Viva Vôlei.

O maior pontuador do jogo foi Douglas Souza, do EMS Taubaté Funvic, com 15 bolas anotadas.

Premiações Especiais

Seleção Superliga: Maurício Borges (EMS Taubaté Funvic), melhor ponteiro. Adriano (Vôlei UM Itapetininga), melhor ponteiro. Maurício Souza (EMS Taubaté Funvic), melhor central). Lucão (EMS Taubaté Funvic), melhor central. William (Minas Tênis Clube), melhor levantador. Escobar (Minas Tênis Clube), melhor oposto. Maik (líbero), melhor líbero). Javier Weber (EMS Taubaté Funvic), melhor técnico.

Melhor árbitro: Anderson Caçador

Craque da galera: Rapha (EMS Taubaté Funvic)

MVP (melhor jogador) da Superliga: Maurício Borges (EMS Taubaté Funvic)

Histórico do EMS Taubaté Funvic na Superliga Masculina: A equipe disputa a elite do voleibol nacional desde a temporada 2013/2014, quando terminou na 10ª colocação. Nos anos seguintes, a evolução do projeto refletiu também nos resultados dentro de quadra. Nas duas temporadas seguintes (2014/2015 e 2015/2016) a equipe chegou até as semifinais.

Na temporada 2016/2017, foi finalista pela primeira vez, ficando com o vice-campeonato. Na edição 2017/2018, chegou até as semifinais.

O primeiro título veio na temporada 2018/2019, quando derrotou o SESI-SP em 3 jogos a 2 na série final.

*A temporada 2019/2020 foi encerrada prematuramente por conta da pandemia de Covid, e os playoffs não foram realizados. Com isso, essa edição não teve um campeão.

SUPERLIGA BANCO DO BRASIL MASCULINA 2020/2021
Finais / Jogo 2
Minas Tênis Clube (MG) 0x3 EMS Taubaté Funvic
Data: 16/04/2021 (sexta-feira)
Horário: 19h00
Local: CDV (Saquarema –RJ)
Transmissão: SporTV 2

SEMIFINAIS

Primeira rodada – 07/04 (QUARTA-FEIRA)
Vôlei UM Itapetininga (SP) 0x3 Minas Tênis Clube (MG)
EMS Taubaté Funvic (SP) 3x1 Vôlei Renata (SP)


Segunda rodada - 10/04 (SÁBADO)
Minas Tênis Clube (MG) 3x0 Vôlei UM Itapetininga (SP)
Vôlei Renata (SP) x EMS Taubaté Funvic (SP)


FINAIS

Primeira rodada – 14/04 (QUARTA-FEIRA)
EMS Taubaté Funvic (SP) 3x2 Minas Tênis Clube (MG)

Segunda rodada - 16/04 (SEXTA-FEIRA)
Minas Tênis Clube (MG) 0x3 EMS Taubaté Funvic (SP)

Continuar...
EMS TAUBATÉ FUNVIC É DESTAQUE NAS PREMIAÇÕES INDIVIDUAIS DA SUPERLIGA 2020-2021
16 de abril de 2021

Após bicampeonato conquistado nesta sexta-feira (16), equipe taubateana teve três atletas na seleção do campeonato, melhor técnico, craque da galera e MVP da Superliga

O EMS Taubaté Funvic dominou s premiações individuais anunciadas ao final da Superliga Banco do Brasil Masculina 2020/2021. Após a vitória por por 3 sets a 0 (parciais de 25x20 / 25x22 / 25x17) sobre o Minas Tênis Clube e a conquista do Bicampeonato nacional, o time taubateano foi destaque entre os escolhidos.

Na Seleção do Campeonato, entraram como melhores centrais os titulares do EMS Taubaté Funvic, Lucão e Maurício Souza. Também do Taubaté, Maurício Borges foi eleito um dos melhores ponteiros.

Maurício Borges também foi eleito o MVP (melhor atleta) da Superliga 2020/2021.

O comandante taubateano Javier Weber foi eleito o melhor técnico desta edição do campeonato.

O capitão e levantador Rapha – um dos remanescentes ainda do primeiro título taubateano em 2018/2019 - foi eleito o “Craque da Galera”.

Seleção Superliga: Maurício Borges (EMS Taubaté Funvic), melhor ponteiro. Adriano (Vôlei UM Itapetininga), melhor ponteiro. Maurício Souza (EMS Taubaté Funvic), melhor central). Lucão (EMS Taubaté Funvic), melhor central. William (Minas Tênis Clube), melhor levantador. Escobar (Minas Tênis Clube), melhor oposto. Maik (líbero), melhor líbero). Javier Weber (EMS Taubaté Funvic), melhor técnico.

Melhor árbitro: Anderson Caçador

Craque da galera: Rapha (EMS Taubaté Funvic)

MVP (melhor jogador) da Superliga: Maurício Borges (EMS Taubaté Funvic)


Fotos: Wander Roberto/Inovafoto/CBV

Continuar...
BRUNO REZENDE CELEBRA TÍTULO DA SUPERLIGA E VALORIZA CAMPANHA DO EMS TAUBATÉ FUNVIC
16 de abril de 2021

Levantador foi eleito melhor jogador em quadra na final e conquistou seu sétimo título de Superliga na carreira. “Nos sacrificamos muito para chegar a esse título”

Um dos maiores nomes do voleibol brasileiro sem dúvidas é o levantador Bruno Rezende. Se no começo ele era o “filho do Bernardinho”, a história e sua carreira brilhante trataram de colocá-lo na lista dos melhores e mais vitoriosos atletas do vôlei de todos os tempos.

Colecionador de títulos desde os primeiros passos na categoria adulta, não foi diferente desde sua chegada ao EMS Taubaté Funvic. Com a conquista do título da Superliga Banco do Brasil Masculina nesta sexta-feira, após vitória memorável por 3 sets a 0 sobre o Minas Tênis Clube, o levantador chegou à terceira conquista com a camisa taubateana na temporada 2020/2021.

Após a partida em que foi eleito o melhor atleta em quadra, premiado com o Troféu Viva Vôlei, ele deu uma entrevista emocionada, comemorando a conquista do segundo título nacional da história do EMS Taubaté Funvic e fez questão de exaltar a enorme dedicação dele e de seus companheiros.

“O que fizemos hoje em quadra nessa vitória que nos deu o título não foi nada além do que nós já vínhamos fazendo ao longo de toda a temporada. Nós somos um time que trabalha muito, todos se dedicaram demais para chegarmos até aqui, e colhemos os melhores frutos dessa entrega.”, disse.

O levantador fez questão de ressaltar o espírito vencedor e de comprometimento de todo o elenco. “Tem gente que olha para o Taubaté e fala que a equipe tem os medalhões, que vence simplesmente porque tem atletas de Seleção. Não é só isso. Nossa rotina é de muito trabalho duro, treino pesado, preparação, foco e cobrança entre nós mesmos. Nos sacrificamos muito para chegar a esse título.”, destacou o camisa 1.

Com mais uma temporada encerrada, em situação muito diferente do normal por conta da pandemia, Bruno diz ter sentido falta de um dos maiores atrativos do time taubateano: a torcida.

“Queria ter aproveitado mais, principalmente a torcida. Nós sabemos que a galera de Taubaté é uma das mais apaixonadas do Brasil, provavelmente a mais fanática do país. E infelizmente não tive a oportunidade de jogar no Abaeté lotado, mas recebi muito carinho por redes sociais desde que cheguei à cidade e durante toda a temporada. Gostaria de mandar um grande abraço a toda a torcida pela energia positiva que eles nos mandaram. Queria poder ter sentido todo esse calor presencialmente, mas fica aqui o sentimento de dever cumprido e de ter conquistado esse título para a cidade que tanto apoio dá ao voleibol.\\\\\\\", comentou.

Bruno encerrou sua fala homenageando a família se seu padrinho, Jean Luc Rosat, o Suíço, ex-atleta da Seleção e que faleceu recentemente. “Queria dedicar esse título à minha madrinha e meu parceiro Pedro, que com certeza estão de casa torcendo muito. Meu padrinho, o Suíço, faleceu a uma semana e meia atrás e tenho certeza de que está torcendo lá de cima. Falei que ia conseguir esse título para eles, então fica aqui minha homenagem”, completou.

Bruno Rezende chegou ao Taubaté em julho de 2020. Na temporada atual, conquistou os títulos do Torneio Super Vôlei Banco do Brasil, da Supercopa Masculina de Vôlei 2020, e da Superliga Banco do Brasil 2020/21. Foi ainda vice-campeão Paulista e vice-campeão da Copa Brasil.

Com essa conquista vestindo a camisa do EMS Taubaté Funvic, Bruno coleciona agora sete títulos de Superliga na carreira.

Fotos: Wander Roberto/Inovafoto/CBV

Continuar...
EMS TAUBATÉ FUNVIC JOGA PELO BICAMPEONATO DA SUPERLIGA NESTA SEXTA-FEIRA CONTRA O MINAS
15 de abril de 2021

Taubateanos querem nova vitória para fechar série final em 2 a 0 já nesta sexta-feira (16), em Saquarema. Minas Tênis Clube precisa vencer para forçar terceiro jogo. SporTV 2 transmite ao vivo

O EMS Taubaté Funvic pode fazer história novamente na noite desta sexta-feira (16/04), quando entrará em quadra pela segunda partida da série final da Superliga Banco do Brasil Masculina de Vôlei. Os taubateanos encaram o Minas Tênis Clube (MG), às 19h00 em Saquarema (RJ).

Com vantagem de 1 a 0 na série que decide o título nacional da temporada 2020/2021, o EMS Taubaté Funvic está a uma vitória de conquistar seu segundo título de Campeão da Superliga. Os comandados do técnico Javier Weber abriram a série com vitória na última quarta-feira (14), quando bateram os rivais mineiros por 3 sets a 2 em um jogo muito equilibrado.

A partida terá transmissão ao vivo pelo canal por assinatura SporTV 2.

Por conta da pandemia de Covid e restrições de eventos esportivos em diversos estados do país, toda a fase de semifinais e finais da Superliga Masculina está sendo realizada e um sistema controlado dentro do Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ).

Em busca de fechar a série melhor de três com duas vitórias, a equipe quer repetir a partida de superação que fez na última quarta-feira. Para o oposto Felipe Roque, maior pontuador do primeiro jogo com 23 bolas anotadas, a equipe fez uma ótima partida, superando as adversidades que o Minas impôs. Mas terá de minimizar erros e melhorar em alguns fundamentos para chegar à vitória e ao título.

“Acredito que podemos melhorar o nosso passe e converter mais bolas de contra-ataque. Temos que aproveitar melhor os pontos em bolas que nós geramos, amortecendo no bloqueio e defendendo mesmo. Temos que aproveitar essas oportunidades para abrir vantagem e ter mais tranquilidade. Claro que eles vão estudar o nosso time e o que fizemos nesse primeiro jogo, mas nós vamos fazer o mesmo e entrar preparados para dar o melhor dentro de quadra e levar o título para Taubaté”, comentou o camisa 18.

A campanha do 2020/2021: Na atual temporada, o time taubateano chega à decisão após terminar a primeira fase na vice-liderança, com campanha de 20 vitórias e duas derrotas, somando 58 pontos.

Nas quartas de final, passou pelo América Vôlei em dois jogos a um (3x0/2x3/3x0). Nas semifinais, o EMS Taubaté Funvic eliminou o Vôlei Renata Campinas (SP) em dois jogos a zero (3x1/3x0).

Retrospecto contra o Minas: Na atual temporada, o retrospecto de confrontos entre EMS Taubaté Funvic e Minas é favorável em 3 a 1 para os taubateanos. O primeiro encontro foi no torneio Super Vôlei Banco do Brasil, no começo da temporada. Na ocasião, o EMS Taubaté Funvic venceu por 3 sets a 0 na semifinal, e viria a ser o campeão da competição.

Os times voltaram a se encontrar em novembro de 2020 pelo primeiro turno da Superliga Banco do Brasil, em Taubaté. Vitória taubateana novamente por 3 a 0. A vitória mineira veio no returno da Superliga, em fevereiro deste ano, quando venceram por 3 a 0 em Belo Horizonte.  

E a terceira vitória do EMS Taubaté Funvic foi conquistada no primeiro jogo da série final, na última quarta-feira.

Histórico do EMS Taubaté Funvic na Superliga Masculina: A equipe disputa a elite do voleibol nacional desde a temporada 2013/2014, quando terminou na 10ª colocação. Nos anos seguintes, a evolução do projeto refletiu também nos resultados dentro de quadra. Nas duas temporadas seguintes (2014/2015 e 2015/2016) a equipe chegou até as semifinais.

Na temporada 2016/2017, foi finalista pela primeira vez, ficando com o vice-campeonato. Na edição 2017/2018, chegou até as semifinais.

O primeiro título veio na temporada 2018/2019, quando derrotou o SESI-SP em 3 jogos a 2 na série final.

*A temporada 2019/2020 foi encerrada prematuramente por conta da pandemia de Covid, e os playoffs não foram realizados. Com isso, essa edição não teve um campeão.

SUPERLIGA BANCO DO BRASIL MASCULINA 2020/2021
Finais / Jogo 2
Minas Tênis Clube (MG) x EMS Taubaté Funvic
Data: 16/04/2021 (sexta-feira)
Horário: 19h00
Local: CDV (Saquarema –RJ)
Transmissão: SporTV 2

SEMIFINAIS

Primeira rodada – 07/04 (QUARTA-FEIRA)
Vôlei UM Itapetininga (SP) 0x3 Minas Tênis Clube (MG)
EMS Taubaté Funvic (SP) 3x1 Vôlei Renata (SP)


Segunda rodada - 10/04 (SÁBADO)
Minas Tênis Clube (MG) 3x0 Vôlei UM Itapetininga (SP)
Vôlei Renata (SP) x EMS Taubaté Funvic (SP)


FINAIS

Primeira rodada – 14/04 (QUARTA-FEIRA)
EMS Taubaté Funvic (SP) 3x2 Minas Tênis Clube (MG)

Segunda rodada - 16/04 (SEXTA-FEIRA)
Minas Tênis Clube (MG) x EMS Taubaté Funvic (SP)
19h00 – CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Terceira rodada (se necessário) – 18/04 (DOMINGO)
EMS Taubaté Funvic (SP) x Minas Tênis Clube (MG)
19h00 – CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Fotos: William Lucas/Inovafoto/CBV

Continuar...
EMS TAUBATÉ FUNVIC VENCE O MINAS E LARGA NA FRENTE NAS FINAIS DA SUPERLIGA MASCULINA
14 de abril de 2021

Em jogo muito disputado, taubateanos buscam vitória no Tie-Break, fecham em 3 sets a 2 e dão importante passo rumo ao bicampeonato. Equipes voltam a se enfrentar na sexta-feira (16)

Jogando na noite desta quarta-feira (14/04), o EMS Taubaté Funvic deu mais um gigantesco passo em busca do sonhado Bicampeonato da Superliga Banco do Brasil Masculina de Vôlei. No CDV, em Saquarema (RJ), a equipe taubateana buscou uma vitória suada por 3 sets a 2 (parciais de 25x18 / 22x25 / 23x25 / 25x16 / 15x11) sobre o Minas Tênis Clube (MG) na primeira partida da série melhor de três das finais da competição.

O resultado coloca a equipe taubateana em vantagem na série, necessitando de apenas mais uma vitória para chegar ao título. Para o Minas Tênis Clube, resta buscar uma vitória no segundo jogo para forçar a terceira partida. Os times voltam a se enfrentar nesta sexta-feira (16/04), novamente na “bolha” em Saquarema (RJ).

O jogo: O técnico Javier Weber colocou em quadra a equipe inicial com Bruno Rezende (levantador), Maurício Souza (central), Maurício Borges (ponteiro), Douglas Souza (ponteiro), Lucão (central), Felipe Roque (oposto) e Thales (líbero). Entrou ao longo da partida o ponteiro João Rafael.

O primeiro set começou com o EMS Taubaté Funvic sacando muito bem, forçando erros do Minas e bloqueando com efetividade. Os taubateanos abriram 4 a 0 nos primeiros minutos, fazendo a equipe adversária já pedir tempo. O Taubaté chegou a abrir 5 pontos de frente, mas o Minas entrou no jogo e equilibrou as ações, crescendo na defesa. O Taubaté se manteve com pequena vantagem no placar aproveitando bem a virada de bola, especialmente com os ponteiros. Com ótimo volume de jogo defensivo e com o bloqueio trabalhando bem até o final do período, o Taubaté encaminhou a vitória por 25 a 18, em 30 minutos.

O segundo set começou mais equilibrado, com as duas equipes buscando forçar o saque. O Taubaté manteve o bom volume no sistema defesa/bloqueio, enquanto o Minas passou a errar menos e foi mais efetivo nas viradas de bola. O time mineiro foi melhor ao longo da primeira metade do set, e se manteve à frente do placar. O Taubaté voltou a encaixar o saque e buscou a virada em 18 a 17. A partir daí o jogo seguiu muito equilibrado. O Taubaté cometeu mais erros e apesar de ter salvo um set point adversário, o Minas fechou em 25 a 22, em 31 minutos.

O terceiro set foi novamente bem equilibrado do começo ao fim. O EMS Taubaté Funvic não conseguiu repetir a mesma efetividade no saque, mas melhorou sua linha de passe e trabalhou bem nas viradas de bola. O Minas cresceu no ataque e teve bom volume de jogo defensivo, aproveitando os contra-ataques. As duas equipes se alternaram na liderança do placar, sempre por pequena vantagem. O Minas foi melhor no bloqueio e na defesa, e encaminhou a vitória por 25 a 23, em 34 minutos, virando o jogo.

O quarto set foi novamente equilibrado, mas com o EMS Taubaté Funvic ligeiramente melhor. Voltando a bloquear com maior efetividade e sacando bem, a equipe taubateana conseguiu manter a liderança no placar desde o começo. O Minas errou mais no set e não conseguiu reagir. O Taubaté manteve o saque forçado e complicou a recepção do Minas. Com mais efetividade defensiva e aproveitando os contra-ataques, o EMS Taubaté Funvic fechou em 25 a 16, em 24 minutos, empatando a partida.

O Tie-Break começou nervoso com os times buscando o saque forçado. O jogo seguiu ponto a ponto, sem que nenhuma das equipes conseguisse abrir vantagem. O Taubaté foi mais efetivo no saque, errando menos no serviço. O Minas cometeu muitos erros e não conseguiu repetir a efetividade na virada de bola. Em um final de jogo tenso, o Taubaté foi melhor na virada de bola, e fechou em 15 a 11, vencendo por 3 sets a 2. A partida teve duração total de 2h32.

O melhor atleta em quadra nesta primeira decisão, premiado com o Troféu Viva Vôlei, foi o ponteiro Douglas Souza, do EMS Taubaté Funvic. Ele chamou o oposto Felipe Roque e gentilmente dividiu a premiação com o camisa 18.

“O Roque hoje se sobressaiu, jogou muito bem, está numa constância importante. Fico feliz em oferecer para ele, pois ele foi uma peça muito importante na nossa vitória”, comentou Douglas após o jogo.

Felipe Roque também foi o maior pontuador do jogo com 23 bolas anotadas.

Próximo jogo: EMS Taubaté Funvic e Minas Tênis Clube voltam a jogar pela segunda partida da série final na próxima sexta-feira (16/04), às 19h00 no CDV, em Saquarema. Uma vitória do Taubaté já garante o Bicampeonato nacional ao time do Vale do Paraíba. Em caso de vitória do Minas, uma terceira e decisiva partida será disputada no domingo (18/04), também ás 19h00. Todas as partidas das finais estão sendo transmitidas ao vivo pelo canal por assinatura SporTV 2.

SUPERLIGA BANCO DO BRASIL MASCULINA 2020/2021
Finais / Jogo 1
EMS Taubaté Funvic 3x2 Minas Tênis Clube (MG)
Data: 14/04/2021 (quarta-feira)
Horário: 19h00
Local: CDV (Saquarema –RJ)
Transmissão: SporTV 2

FOTOS: William Lucas/Inovafoto/CBV


Continuar...
SANGUE AZUL: EMS TAUBATÉ FUNVIC LANÇA CAMPANHA DE DOAÇÃO DE SANGUE ENTRE TORCEDORES
13 de abril de 2021

Fãs do voleibol poderão participar a partir desta quarta- feira (14) da campanha SANGUE AZUL comparecendo ao Hemocentro de Taubaté. Doadores vão concorrer a uma camisa autografada

O EMS Taubaté Funvic lança nesta quarta-feira (14/04) a campanha SANGUE AZUL. A ação visa incentivar os torcedores da equipe e fãs do voleibol de Taubaté a doar sangue para o hemocentro da cidade.

Quem realizar a doação poderá preencher um cupom e depositar na urna que ficará no próprio hemocentro, concorrendo a uma camisa do EMS Taubaté Funvic autografada por todo o elenco da atual temporada. A campanha vai até sexta-feira (16/04).

O horário de atendimento no Hemocentro de Taubaté é das 8h00 às 11h00, e das 13h00 às 16h00. O Hemocentro fica na Avenida Inglaterra, nº 190, Jardim das Nações.

Os doadores podem agendar a doação pelo site www.hemocentro.fmrp.usp.br/agende ou comparecer no horário de atendimento do hemocentro e ser atendido retirando senha na recepção por ordem de chegada.

É pedido aos doadores que não tragam crianças e idosos como acompanhantes.

O uso de máscara é obrigatório conforme Decreto Estadual, por conta da pandemia de COVID.

Telefone do Hemocentro de Taubaté: (12) 3624-1273

FINAIS DA SUPERLIGA: O EMS Taubaté Funvic está classificado para as finais da Superliga Banco do Brasil Masculina de Vôlei 2020/21. O time taubateano fará a final contra o Minas Tênis Clube (MG) em série melhor de três jogos, que começa na próxima quarta-feira (14/04).

Por conta da pandemia de Covid e de restrições de eventos esportivos em alguns estados, toda a fase final da Superliga Banco do Brasil Masculina de Vôlei 2020/21 está acontecendo na “bolha” montada no CDV (Centro de Desenvolvimento de Voleibol), em Saquarema (RJ).

Todas as partidas das finais terão transmissão ao vivo pelo canal por assinatura SporTV 2.

Primeira rodada – 14/04 (QUARTA-FEIRA)
EMS Taubaté Funvic (SP) x Minas Tênis Clube (MG)
19h00 - CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Segunda rodada - 16/04 (SEXTA-FEIRA)
Minas Tênis Clube (MG) x EMS Taubaté Funvic (SP)
19h00 – CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Terceira rodada (se necessário) – 18/04 (DOMINGO)
EMS Taubaté Funvic (SP) x Minas Tênis Clube (MG)
19h00 – CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Continuar...
EMS TAUBATÉ FUNVIC ENCARA O MINAS PELA ABERTURA DAS FINAIS DA SUPERLIGA MASCULINA
13 de abril de 2021

Taubaté disputará sua terceira final da história e vai em busca do Bicampeonato. Partidas da série melhor de três jogos acontecem na “bolha” em Saquarema (RJ) com transmissão do SporTV 2

Vai começar a decisão da Superliga Banco do Brasil Masculina de Vôlei 2020/21. A partir desta quarta-feira, 14/04, o EMS Taubaté Funvic disputa a série final da competição contra o Minas Tênis Clube (MG), em série melhor de três jogos. A primeira partida começa às 19h00, e terá transmissão do SporTV 2.

Por conta da pandemia de Covid e restrições de eventos esportivos em diversos estados do país, toda a fase de semifinais e finais da Superliga Masculina está sendo realizada em formato de “bolha” dentro do Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ).

O EMS Taubaté Funvic chega pela terceira vez na história a uma final de Superliga. A equipe taubateana detém um título, conquistado na temporada 2018/2019 depois de derrotar o SESI-SP na série final por 3 jogos a 2. Já na temporada 2016/2017, o Taubaté ficou com o vice-campeonato após perder para o Sada Cruzeiro (MG) na final em partida única.

Na atual temporada, o time taubateano chega à decisão após terminar a primeira fase na vice-liderança, com campanha de 20 vitórias e duas derrotas, somando 58 pontos.

Nas quartas de final, passou pelo América Vôlei em dois jogos a um (3x0/2x3/3x0). Nas semifinais, o EMS Taubaté Funvic eliminou o Vôlei Renata Campinas (SP) em dois jogos a zero (3x1/3x0).

Imersos desde o dia 5 de abril na “bolha” de Saquarema, o elenco taubateano está muito focado na busca pelo título nacional. Um dos mais experientes é o central Lucão, que pode chegar ao seu segundo título de Superliga com a camisa taubateana. Ele frisa que o clima entre o elenco é bom, de confiança e vontade de entrar em quadra logo.

“Me sinto muito feliz, é bacana demais estar na disputa de mais um título pelo Taubaté, especialmente a Superliga. Esse ano, mesmo com esse formato um pouco diferente, estar na final tem sempre um gostinho especial, como se fosse a primeira vez. É muito legal termos conseguido cumprir mais essa etapa do nosso planejamento que é chegar ao bicampeonato. O Taubaté fez por merecer estar nessa decisão, fizemos uma temporada muito regular, superando dificuldades ao longo da primeira fase e nos classificando sempre por nossos méritos. Esperamos repetir essa regularidade, botar em prática esse jogo vencedor que conseguimos impor nas semifinais, dessa vez para chegar ao título.”, finalizou.   

Atletas que podem ser bicampeões com o Taubaté: No atual elenco do EMS Taubaté Funvic, cinco atletas estavam no time que conquistou o inédito título nacional na temporada 2028/2019: os levantadores Rapha e Fabiano, o central Lucão, o líbero Thales e o ponteiro Douglas Souza. Naquela conquista, o time era comandado pelo técnico Renan Dal Zotto.

O adversário: O Minas Tênis Clube se credenciou para mais uma decisão de Superliga em sua tradicional história dentro do voleibol. Na primeira fase desta edição, a equipe de Belo Horizonte (MG) terminou com a 4ª melhor campanha, tendo 17 vitórias e cinco derrotas, somando 47 pontos.

Nas quartas de final, o Minas eliminou o APAN/Eleva/Blumenau (SC) em dois jogos a zero (3x0/3x1). Nas semifinais, eliminou o Vôlei UM Itapetininga (SP), também em dois jogos a zero (3x0/3x0).

O Minas Tênis Clube é o time com mais conquistas nacionais no voleibol nacional tendo sido Campeão por 9 vezes ao longo da história. Seu último título na Superliga foi na temporada 2006/2007.

Retrospecto: Na atual temporada, o retrospecto de confrontos entre EMS Taubaté Funvic e Minas é favorável em 2 a 1 para os taubateanos. O primeiro encontro foi no torneio Super Vôlei Banco do Brasil, no começo da temporada. Na ocasião, o EMS Taubaté Funvic venceu por 3 sets a 0 na semifinal, e viria a ser o campeão da competição.

Os times voltaram a se encontrar em novembro de 2020 pelo primeiro turno da Superliga Banco do Brasil, em Taubaté. Vitória taubateana novamente por 3 a 0. A vitória mineira veio no returno da Superliga, em fevereiro deste ano, quando venceram por 3 a 0 em Belo Horizonte.  

SUPERLIGA BANCO DO BRASIL MASCULINA 2020/2021
Finais / Jogo 1
EMS Taubaté Funvic x Minas Tênis Clube (MG)
Data: 14/04/2021 (quarta-feira)
Horário: 19h00
Local: CDV (Saquarema –RJ)
Transmissão: SporTV 2

FINAIS

Primeira rodada – 14/04 (QUARTA-FEIRA)
EMS Taubaté Funvic (SP) x Minas Tênis Clube (MG)
19h00 - CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Segunda rodada - 16/04 (SEXTA-FEIRA)
Minas Tênis Clube (MG) x EMS Taubaté Funvic (SP)
19h00 – CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Terceira rodada (se necessário) – 18/04 (DOMINGO)
EMS Taubaté Funvic (SP) x Minas Tênis Clube (MG)
19h00 – CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Continuar...
LUCÃO CELEBRA CLASSIFICAÇÃO À FINAL E QUER BICAMPEONATO DA SUPERLIGA COM O TAUBATÉ
12 de abril de 2021

Central teve boa atuação na segunda semifinal anotando 11 pontos e vai em busca de seu segundo título de Superliga com a camisa taubateana

Com mais uma etapa vencida dentro da Superliga Banco do Brasil Masculina de Vôlei 2020/21, o EMS Taubaté Funvic já mira as finais da competição, que começam no dia 14/04, na “bolha” em Saquarema (RJ). Após passar pelo Vôlei Renata (SP) com duas vitórias nas semifinais, o time se prepara para encarar o Minas Tênis Clube (MG) na decisão.

Ainda sobre a vitória do último fim de semana sobre o Vôlei Renata por 3 sets a 0, o experiente central Lucão celebrou mais uma boa atuação coletiva. “Acho que o time inteiro jogou bem, foi uma partida bem consistente, apesar de no primeiro set nós termos errado um pouco mais do que o normal. Depois, a partir do segundo set, acho que a equipe conseguiu encaixar legal tudo o que havíamos combinado, principalmente o saque funcionou muito bem, o que dificultou muito a virada de bola do adversário”, comentou.

Para o camisa 16, o saque foi primordial na vitória que colocou a equipe na decisão. “O saque foi o principal fundamento sim, é o que tem feito a diferença para nós nessa reta final de Superliga. Estamos sacando muito bem, o que resulta em mais facilidade ´para os bloqueadores conseguirem êxito. Temos que trabalhar forte e entrar focados nas finais para repetir essas boas atuações no saque.”, completou.

Lucão é um dos remanescentes do elenco que estavam na então inédita conquista da Superliga pelo Taubaté na temporada 2028/2019. Além dele, os levantadores Rapha e Fabiano, o ponteiro Douglas Souza e o líbero Thales também estavam no elenco Campeão. Ele comentou também da possibilidade de chegar ao bicampeonato com a camisa do EMS Taubaté Funvic.

“Me sinto muito feliz, é bacana demais estar na disputa de mais um título pelo Taubaté, especialmente a Superliga. Essa é a minha terceira temporada aqui, sendo que fui campeão na primeira, e na segunda nós fomos o melhor time, apesar da competição ter sido encerrada sem a realização das finais. Esse ano, mesmo com esse formato um pouco diferente, estar na final tem sempre um gostinho especial, como se fosse a primeira vez. É muito legal termos conseguido cumprir mais essa etapa do nosso planejamento que é chegar ao bicampeonato. O Taubaté fez por merecer estar nessa decisão, fizemos uma temporada muito regular, superando dificuldades ao longo da primeira fase e nos classificando sempre por nossos méritos. Esperamos repetir essa regularidade, botar em prática esse jogo vencedor que conseguimos impor nas semifinais, dessa vez para chegar ao título.”, finalizou.   

SUPERLIGA BANCO DO BRASIL MASCULINA 2020/21 - SEMIFINAIS

Primeira rodada – 14/04 (QUARTA-FEIRA)
EMS Taubaté Funvic (SP) x Minas Tênis Clube (MG)
19h00 - CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Segunda rodada - 16/04 (SEXTA-FEIRA)
Minas Tênis Clube (MG) x EMS Taubaté Funvic (SP)
19h00 – CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Terceira rodada (se necessário) – 18/04 (DOMINGO)
EMS Taubaté Funvic (SP) x Minas Tênis Clube (MG)
19h00 – CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Fotos: Alexandre Loureiro/Inovafoto/CBV

Continuar...
EMS TAUBATÉ FUNVIC VENCE O VÔLEI RENATA E AVANÇA À FINAL DA SUPERLIGA MASCULINA
11 de abril de 2021

Em noite inspirada, Taubaté repete boa atuação, vence por 3 sets a 0, fecha a série em 2 a 0 e estará em sua terceira final de Superliga da história. Adversário na briga pelo título será o Minas Tênis Clube

O EMS Taubaté Funvic está na final da Superliga Banco do Brasil Masculina de Vôlei 2020/21. Jogando na noite deste sábado (10/04) em Saquarema (RJ), a equipe venceu o Vôlei Renata (SP) por 3 sets a 0 (parciais de 31x29, 25x13 e 25x19), fechando a série semifinal em 2 jogos a 0.

Desta forma, a equipe está classificada para as finais e terá como adversário na luta pelo título o Minas Tênis Clube (MG), que passou pelo Vôlei UM Itapetininga (SP) também em 2 jogos a 0.

A tabela das finais será confirmada neste domingo (11), pela Confederação Brasileira de Voleibol. A decisão do nacional será disputada também série melhor de três jogos, dentro da “bolha” montada no CDV, em Saquarema (RJ) na próxima semana.

Esta será a terceira vez na história que o EMS Taubaté Funvic disputará uma final de Superliga Masculina. O time taubateano é o último campeão da Superliga, tendo levantado o título da temporada 2028/2019. A temporada 2019/2020 não terminou devido à pandemia de Covid, e não teve um campeão.

O jogo: O técnico Javier Weber colocou em quadra a equipe inicial com Bruno Rezende (levantador), Maurício Souza (central), Maurício Borges (ponteiro), Douglas Souza (ponteiro), Lucão (central), Felipe Roque (oposto) e Thales (líbero). Entraram ao longo da partida o ponteiro João Rafael e o ponteiro João Franck.

O primeiro set começou bem equilibrado, com o EMS Taubaté Funvic sacando muito bem e aproveitando as bolas de contra-ataques. O Vôlei Renata buscou reagir e equilibrar as ações com boa efetividade na defesa. O Taubaté chegou a abrir dois pontos de vantagem antes da metade do set, mas o Vôlei Renata buscou a diferença e a partida seguiu com o placar equilibrado. O Taubaté cometeu erros na reta final do set e o Vôlei Renata aproveitou para abrir dois pontos de frente e chegou a ter dois set points. O Taubaté buscou uma reação incrível com a entrada do ponteiro João Rafael, que encaixou uma sequência de três ótimos saques, incluindo um ace. O Taubaté voltou ao jogo e a partir daí foi emoção ponto a ponto até o final. As equipes trocaram pontos até que o Taubaté, com mais efetividade ofensiva, fechou em 31 a 29, em 35 minutos.

O segundo set começou com o EMS Taubaté Funvic muito bem em quadra, no ritmo que terminou o set anterior. Sacando forçado com boa efetividade e com muita agressividade nas viradas de bola, a equipe taubateana impôs muita pressão na defesa do Vôlei Renata, e abriu boa vantagem. Com boa passagem de Douglas Souza no saque, o Taubaté chegou a abrir 8 pontos de frente. Além do saque, o bloqueio taubateano também foi decisivo e a equipe seguiu com clara superioridade em quadra. Errando pouco e aproveitando bem os contra-ataques, o EMS Taubaté Funvic fechou em 25 a 13, em 23 minutos.

O terceiro set voltou a ser mais equilibrado. O EMS Taubaté Funvic seguiu sacando forçado e complicando a recepção do Vôlei Renata. O time de Campinas melhorou em seu sistema defensivo e conseguiu virar bolas importantes de contra-ataque, mantendo o jogo parelho. O saque taubateano continuou sendo uma arma fundamental e a equipe manteve uma regularidade muito boa no sistema defesa/bloqueio. Na reta final do set, a equipe taubateana voltou a forçar bem o saque e encaminhou a vitória por 25 a 19, fechando o jogo em 3 sets a 0. A partida teve duração total de 1h45.

O melhor jogador em quadra, premiado com o Troféu Viva Vôlei, foi o ponteiro Douglas Souza, do EMS Taubaté Funvic. Após a partida, ele comentou a importante vitória que colocou o Taubaté em mais uma final de Superliga:

“Nosso primeiro set foi abaixo do que nós podemos apresentar. No 20 a 20 que conseguimos retomar nosso melhor ritmo. O João Rafael ajudou muito na sequência de saques dele, e foi ali que nós mudamos nossa postura. Todo mundo entrou no jogo de novo e o coletivo funcionou muito bem. Tenho certeza que nosso time chega para essa final muito fortalecido depois desse bom jogo que fizemos hoje. Teremos uma final gigante, entre dois clubes que fizeram por merecer estar na decisão. A cidade de Taubaté merece esse título, e vamos muita fome de vitória para buscar esse bicampeonato”, comentou o ponteiro.

Os maiores pontuadores da partida foram o ponteiro Douglas Souza e o oposto Felipe Roque, ambos do EMS Taubaté Funvic, com 18 pontos anotados para cada.

Esta é a terceira vez na história que o EMS Taubaté Funvic disputará uma final de Superliga. A primeira final foi disputada na temporada 2016/2017, quando a equipe taubateana acabou derrotada na final pelo Sada Cruzeiro em partida única por 3 sets a 1. A equipe voltou a disputar a final na temporada 2018/2019, quando encarou o SESI-SP em uma série melhor de cinco jogos. O Taubaté venceu a série por 3 jogos a 2 e conquistou seu primeiro e inédito título nacional.

PRÓXIMO JOGO: O EMS Taubaté Funvic enfrentará o Minas Tênis Clube (MG) na série melhor de três jogos das finais. Originalmente, a tabela previa os jogos finais acontecendo em 14, 16 e 18 de abril (terceiro jogo, somente se necessário). Há possibilidade dessas datas serem antecipadas, já que as duas semifinais foram decididas sem a necessidade de um terceiro jogo. A agenda das finais será confirmada neste domingo (11/04) pela Confederação Brasileira de Voleibol.

SUPERLIGA BANCO DO BRASIL MASCULINA 2020/2021
Semifinais / Jogo 2
Vôlei Renata (SP) 0x3 EMS Taubaté Funvic
Data: 10/04/2021 (sábado)
Horário: 21h30
Local: CDV (Saquarema –RJ)
Transmissão: SporTV 2

Fotos: Alexandre Loureiro/Inovafoto/CBV

Continuar...
TABELA DAS FINAIS: EMS TAUBATÉ FUNVIC INICIA BUSCA PELO BICAMPEONATO NA QUARTA-FEIRA (14/04)
11 de abril de 2021

EMS Taubaté Funvic inicia luta pelo bicampeonato nacional na próxima quarta-feira (14/04) no primeiro jogo da série melhor de três contra o Minas Tênis Clube (MG)

O EMS Taubaté Funvic está na final da Superliga Banco do Brasil Masculina de Vôlei 2020/21 após derrotar o Vôlei Renata (SP) por 3 sets a 0 (parciais de 31x29, 25x13 e 25x19) na noite do último sábado (10/04).

A equipe fechou a série em 2 jogos a 0, e se garantiu pela terceira vez na história em uma decisão de Superliga.

O time taubateano fará a final contra o Minas Tênis Clube (MG), que passou pelo Vôlei UM Itapetininga (SP) nas semifinais. A série final começa nesta próxima semana, e teve sua tabela confirmada pela Confederação Brasileira de Voleibol.

O primeiro jogo será na quarta-feira (14/04), às 19h00. A segunda partida está marcada para sexta-feira (16/04), também às 19h00. Caso seja necessário um terceiro e decisivo jogo, este acontecerá no domingo (18/04), às 19h00.

Por conta da pandemia de Covid e de restrições de eventos esportivos em alguns estados, toda a fase final da Superliga Banco do Brasil Masculina de Vôlei 2020/21 está acontecendo na “bolha” montada no CDV (Centro de Desenvolvimento de Voleibol), em Saquarema (RJ).

Todas as partidas das finais terão transmissão ao vivo pelo canal por assinatura SporTV 2.

FINAIS DA SUPERLIGA BANCO DO BRASIL MASCULINA 2020/21

Primeira rodada – 14/04 (QUARTA-FEIRA)
EMS Taubaté Funvic (SP) x Minas Tênis Clube (MG)
19h00 - CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Segunda rodada - 16/04 (SEXTA-FEIRA)
Minas Tênis Clube (MG) x EMS Taubaté Funvic (SP)
19h00 – CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Terceira rodada (se necessário) – 18/04 (DOMINGO)
EMS Taubaté Funvic (SP) x Minas Tênis Clube (MG)
19h00 – CDV, em Saquarema (RJ)
TV: SporTV 2

Fotos: Alexandre Loureiro/Inovafoto/CBV

Continuar...
PATROCINADORES MASTER
PATROCINADORES
Apoiadores
Plano de Saúde Oficial
Fornecedor de Uniforme Oficial